Com queda de 14% nas vendas em 2014, setor de importados enxerga 2015 com cautela

Com queda de 14% nas vendas em 2014, setor de importados enxerga 2015 com cautela

Com queda de 14% nas vendas em 2014, setor de importados enxerga 2015 com cautela

by 9 de janeiro de 2015 0 comments
Mercado de veículos importados teve ano de instabilidade em 2014

Mercado de veículos importados teve ano de instabilidade em 2014

O mercado de veículos importados começa 2015 em clima de cautela na esteira de um 2014 desanimador para o setor automotivo no país. As vendas de importados, conforme balanço divulgado pela Associação Brasileira das Empresas Importadoras e Fabricantes de Veículos Automotores (ABEIFA) amargou queda de 14,3% nos emplacamentos em 2014, quando foram registradas 96.578 vendas ante 112.649 do ano anterior.

A entidade, no entanto, reserva boa expectativa a partir do bom resultado nas vendas de importados em dezembro. O último mês de dezembro encerrou com saldo positivo de 30,6% no comércio em relação a novembro. Na comparação, foi vendido o mesmo volume que em dezembro de 2013, com 9.930 emplacamentos em cada ano.

O aumento registrado no último mês do ano é atribuído pela ABEIFA à antecipação dos consumidores na compra ou troca do veículo, estimulada pela aplicação do 13º salário. Outra justificativa se dá aos últimos dias antes do reajuste do IPI, ocorrido no início do ano de 2015. Ainda assim, para Marcel Visconde, presidente da entidade, ainda é cedo para comemorar por conta da instabilidade enfrentada pelo setor em 2014, ainda que motivada pela Copa e período eleitoral.

“Ainda é prematuro dizer que essa tendência de crescimento seguirá. Neste momento estamos atentos ao comportamento do câmbio, variável que impacta diretamente o nosso setor. Olhamos para o ano de 2015 com cautela e reforçamos que serão necessários ajustes na economia, para que a esperada retomada do crescimento aconteça e a confiança do consumidor seja resgatada”, finaliza.

No Comments so far

Jump into a conversation

No Comments Yet!

You can be the one to start a conversation.

Deixe uma resposta