Detran intensifica inspeções nas Ciretrans de Tocantins

Detran intensifica inspeções nas Ciretrans de Tocantins
Visita técnica do Detran às Ciretrans do sudeste do Tocantins

Visita técnica do Detran às Ciretrans do sudeste do Tocantins

O Departamento Estadual de Trânsito do Tocantins (Detran-TO) intensificou as inspeções nas Circunscrições Regionais de Trânsito (Ciretrans) com o objetivo de corrigir falhas em postos dos interior do estado. Os serviços estão concentrados nesta primeira etapa na região sudeste, onde funcionam 29 unidades.

De acordo com a autarquia, a partir das visitas feitas pela diretoria de operações e equipe técnica será traçado um plano para que sejam feitos ajustes na estrutura física e no quadro pessoal. Também serão dadas orientações aos servidores sobre procedimentos sobre veículos e Carteira Nacional de Habilitação (CNH), além de técnicas de manuseio do sistema DetranNet.

Na semana anterior, o diretor de Operações do Detran-TO, Francisco Antonio Benevides; a gerente de  Sistemas e Registros Nacionais, Claudineide Martins e a gerente de Estatística, Hádylla da Costa visitaram as Ciretrans de Natividade, Dianópolis, Taguatinga, Combinado, Arraias e Palmeirópolis, região sudeste do estado.

“É uma forma de acompanhar de perto o serviço que está sendo prestado ao cidadão. Queremos uma gestão transparente no Detran, por isso estamos verificando in loco o andamento dos trabalhos nas Unidades, e direcionando os servidores para o desempenho de suas funções, com lisura”, destacou Benevides.

A gerente de Sistemas e Registros Nacionais, responsável pelo Registro Nacional de Infrações de Trânsito (Renainf), Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavan), Registro Nacional de Condutores Habilitados (Renach) e o Sistema Nacional de Gravames, orientou os servidores sobre o prazo para o envio dos recursos de multas, transferência de pontuação, transferência de veículos de outro estado para o Tocantins, transferência de prontuário de CNH de outro estado para o Tocantins, e a inclusão ou baixa de alienação.

Também foram esclarecidos procedimentos como o encaminhamento dos CRVs (Certificados de Registros de Veículos) e CRLVs (Certificados de Registros e Licenciamentos de Veículos) cancelados para o banco de dados do Detran-TO, Denatran, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Militar e da Polícia Civil como forma de evitar a clonagem de veículos e a regularização de veículos roubados.

Outras orientações foram sobre a multa de recibo – quando expira o prazo para a transferência de veículo após o preenchimento do recibo; o cadastro do auto de infração; a atualização de endereço; inconsistência do SNG – quando o gravame é informado incorretamente; CRV inválido e o efeito suspensivo automático – referente às penalidades impostas pelo condutor.

Acessse os outros sites da VideoPress
Portal VOIT – A Voz da TI – www.voit.com.br
Portal Vida Moderna – www.vidamoderna.com.br

Publicidade

 

Categories: NOTÍCIAS

Deixe um comentário

Seu e-mail não será divulgado.
Campos obrigatórios são marcados com*